A mudança…

Há dias vi este vídeo, não tem necessariamente a ver com bicicletas mas sim com a mudança de hábitos e nos efeitos que essa mudança pode ter….

A próxima vez que for comprar o jornal vá de bicicleta 😉 O seu corpo agradece!!

Aluguer de bicicletas

Falemos de mais um bom exemplo fora de portas no que toca a bicicletas como meio de transporte. Imaginem, que numa cidade de estudantes, se conseguia alugar uma bicicleta por um mês, 2 meses ou até um ano? Em Coimbra não acontece mas em Leuven (Bélgica) sim!!

100_0585

São bicicletas usadas que podem ser alugadas mensal ou anualmente, com preços que vão até aos 65€ (adicionando ainda uma caução de 70€) e para alem do aluguer tem associada uma oficina de bicicletas. O serviço é da Universidade mas está disponível para as pessoas da cidade. Podem saber mais sobre este serviço aqui.

Esta opção pode ser ideal para estudantes, para pessoas que se mudam por alguns períodos de tempo para a cidade ou para utilizadores sazonais. E também poderia ser uma boa aposta em Coimbra, o que acham?

Dicas para aprender a andar de bicicleta

Têm-nos perguntado dicas para adultos aprenderem a andar de bicicleta. A verdade é que não tínhamos pensado nisso até agora, porque era algo que já tínhamos como certo à partida. Mas existem muitas pessoas que não ainda não tiveram oportunidade de aprender…

Tentaremos compilar algumas dicas para quem quer aprender mas estaremos sempre receptivos a quem quiser deixar alguma sugestão.

Passo 1: Procurem um sitio pouco congestionado e plano. Por exemplo o Parque Verde (durante a semana e de manhã) e, para começar, até pode ser na relva.

 Passo 2: Baixem o selim de forma a que quando estiverem sentados consigam chegar confortavelmente com os pés ao chão, convém ser uma bicicleta com um quadro mais baixo para se tornar mais confortável.

cat_media_2012110613291709B-Simple_Single_W_black

Passo 3: Se puderem tirem os pedais no início, sentem-se no selim e comecem a andar com os pés no chão (se não puderem tirar os pedais tentem pô-los numa posição em que não se magoem ao caminhar)

Passo 4:  Aos poucos tentem tirar os pés do chão e deixem a bicicleta deslizar, aí sim já se começa a sentir o ventinho na cara 😉

Passo 5: Voltem a pôr os pedais na bicicleta, e comecem a dar um pequeno balanço com um dos pedais e deixem o outro pé quase a tocar no chão (só para uma maior segurança) e mais uma vez deixem-se deslizar

Passo 6: Depois de algumas repetições, tente começar a por o segundo pé no pedal, e a dar 1 pedalada

Passo 7: Depois de dar uma pedalada, dê a segunda… e a 3ª e a 4ª….e vai ver o bom que é!! 🙂

Conselho 1: Usem capacete, é muito importante pensar na segurança!

Conselho 2: Mantenham as mãos nos travões, para mobilizar a bicicleta sempre que necessário.

Conselho 3: Não tente fazer tudo de uma vez, mantenha a calma e a confiança. Insista, insista, insista e não desista!!